15 junho 2018

Literatura juvenil: Sugestões de Leituras



Resenhas elaboradas por Islândia Prexedes Luna


Trilogia Jogos Vorazes 
Autora :  Suzanne Collins
O livro deu origem a trilogia de filmes e conquistou fãs do mundo inteiro. Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge, formada por doze distritos, e comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, onde os participantes são obrigados a lutar até a morte. Para evitar que sua irmã seja a mais vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Até onde Katniss e Peeta estarão dispostos a lutar pela vitória e vida.

Destrua esse Diário 
Autora:  Keri Smith
Um diário costuma servir para anotar ideias, memórias ou registros do cotidiano. Keri Smith, ilustradora e artista canadense, inventou um tipo diferente de diário, que exige do usuário uma interação mais lúdica e inusitada. Com a proposta de estimular a criatividade e questionar convenções sobre a forma como lidamos com os objetos, Destrua este diário nos convida a rasgar páginas, rabiscar, pintar fora das linhas, manchar e até mesmo levar o livro para o banho.



Extraordinário 
Autora:  R. J. Palacio
O livro conta a história de um menino de aparência incomum, mas de coragem e coração enormes. Auggie é um garotinho extraordinário, de maturidade incrível, mas que só quer ser uma criança como qualquer outra. Por que esse é o maior desejo dele? Porque quando nasceu, Auggie foi diagnosticado com uma doença genética, que deformava seu rosto. Depois de muitas cirurgias, idas e vindas do hospital, ele não conviveu com outras crianças. Na escola, em meio a olhares curiosos, piadas cruéis e amigos verdadeiros, ele vai construir um verdadeiro manifesto à gentileza, em favor da igualdade e do amor ao próximo.



O Hobbit  
Autor: J.R.R. Tolkien
Uma história de fantasia épica e fantástica das aventuras de um pequeno Hobbit, anões, Elfos e magos para chegar a Erebor e tomar a terra natal dos anões o qual foi invadida por um Dragão. Nessa primeira aventura na Terra Média, nosso protagonista é justamente Bilbo Bolseiro, um hobbit habituado ao conforto de sua toca e a uma vida simples, sem grandes acontecimentos, até que um belo dia um mago cinzento e anões aparecem em sua porta e assim ele é arrastado para uma inesperada jornada, repleta de aventuras perigosas.



O Jardim Secreto 
Autor: Frances Rodgson Burnett
“O Jardim Secreto”, de Frances Rodgson Burnett, é a celebração da amizade entre uma menina e um menino que vive acamado até descobrir que pode fazer muito mais de sua vida com a ajuda de sua amiga.






A Hora da Estrela
Autora:  Clarice Lispector 
O romance narra a história da alagoana Macabéa, que migra para o Rio de Janeiro, tendo sua rotina descita por um escritor fictício chamado Rodrigo S.M. É talvez o seu romance mais famoso de Lispector, por trazer uma narrativa diferenciada da que costuma apresentar em suas obras, muitas vezes considerada hermética e intimista.



Marcelo Marmelo, Martelo
Autora: Ruth Rocha
Este livro nos mostra a esperteza e a vivacidade com que seus personagens resolvem seus impasses: Marcelo cria palavras novas, Terezinha e Gabriela descobrem a identidade na diferença e Carlos Alberto entende que não temos nada sem amigos. Uma leitura divertida.






Kafka e a Boneca Viajante                                                                           
Autor:  Jordi Sierra I Fabra
Um ano antes de sua morte, Franz Kafka viveu uma experiência singular. Passeando pelo parque de Steglitz, em Berlim, encontrou uma menina chorando porque havia perdido sua boneca. Kafka ofereceu ajuda para encontrar a boneca e combinou um encontro com a menina no dia seguinte no mesmo lugar. Não tendo encontrado a boneca, ele escreveu uma carta como se fosse a boneca e leu para a garotinha. A carta dizia : "Por favor, não chore por mim, parti numa viagem para ver o mundo." Durante três semanas, Kafka entregou pontualmente à menina outras cartas que narravam as peripécias da boneca em todos os cantos do mundo: Londres, Paris, Madagascar…
Esta história foi contada para alguns jornais e inspirou um livro Kafka e a Boneca Viajante, escrito por Jordi Sierra i Fabra. No fim de muitos encontros, Kafka presenteou a menina com uma outra boneca. Ela era obviamente diferente da boneca original. Uma carta anexa explicava: “minhas viagens me transformaram…”. Anos depois, a garota encontrou uma carta enfiada numa abertura escondida na querida boneca substituta. O bilhete dizia: “Tudo que você ama, eventualmente se perderá, mas, no fim, o amor retornará em uma forma diferente”.

O Pequeno Príncipe 
Autor: Antoine de Saint Exupery
O Pequeno Príncipe é um dos personagens mais famosos e queridos de todos os tempos, que empolga crianças e adultos com ensinamentos inesquecíveis. Sua história deixa marcas pela forma simples de suas mensagens de otimismo, simplicidade e amor ao nosso planeta. À primeira vista, um livro para crianças, mas na definição de Antoine de Saint-Exupéry, seu autor, "é um livro urgentíssimo para adultos" que resgata a criança que existe em cada um de nós, com encanto, ética e beleza.



Coração de Tinta 
Autora: Cornelia Funker
Meggie é uma grande apreciadora de histórias e adoraria que o pai lesse em voz alta para ela. Mas ele não o faz há muitos anos, desde que a mãe desapareceu misteriosamente. O pai possui um dom especial: quando lê um livro em voz alta, as palavras ganham vida na sua boca e coisas e personagens das histórias saltam do livro para o mundo real. O pior é que quando algo sai das páginas do livro, alguém ou alguma coisa deste mundo vai para o livro... A partir daí, sucede-se um sem-fim de desconcertantes aventuras, mistérios e muito suspense... 



A Menina que Roubava Livros 
Autor: Markus Zusak
O livro conta a história de Liesel Meminger, a narrativa é feita pela Morte; estranho e ao mesmo tempo acertado uma vez que a história é vivida no tempo da Segunda Guerra Mundial em uma Alemanha nazista. Liesel, escapa da morte várias vezes e assim ganha a sua afeição. Ela é uma sobrevivente e uma lutadora. A Mãe de Liesel por ser considerada comunista, decide dar os filhos para um casal de alemães sem filhos, assim os protegeria da morte. Infelizmente o menino morre na viagem… No enterro o coveiro deixa cair um livro e Liesel, mesmo sem saber ler, se apega a única lembrança de um dia triste. O livro (O Manual do Coveiro) lhe dá conforto e lhe devolve a memória de um dia… Os pais adotivos Rosa e Hans Hubermann, aprendem a amar Liesel, especialmente Hans, um homem de alma nobre, bem humorado e generoso. Hans ensina Liesel a ler, se divertir e apreciar a Vida. 


365 Dias Extraordinário
Autora: R. J. Palacio  
No romance Extraordinário, o leitor teve a chance de conhecer o memorável professor de August Pullman, o Sr. Browne, que no primeiro dia de aula, antes mesmo de se apresentar aos alunos, ofereceu uma profunda lição sobre a importância de cultivarmos preceitos positivos em nosso cotidiano regras capazes de nos inspirar a fazer escolhas cada vez mais acertadas ao longo da vida. O discurso do professor fez com que Auggie, pela primeira vez, pensasse que frequentar a escola poderia não ser tão má ideia. É essa a inspiração que 365 dias extraordinários pretende levar ao leitor. A bela edição reúne uma coleção de preceitos que vão iluminar, confortar e desafiar cada um a se tornar uma pessoa melhor.


Trilogia Divergente
Autora: Veronica Roth
A história se passa em uma Chicago futurista, tendo uma sociedade dividida em cinco facções: Abnegação (considerados altruístas e justos), Amizade (facção que considerava a agressividade mãe dos males da sociedade moderna), Audácia (corajosos, destemidos e prontos para qualquer tipo de luta), Franqueza(honestos e diretos na forma de falar) e Erudição (cultos... responsáveis pelo desenvolvimento cientifico da sociedade).
“Há décadas nossos antepassados perceberam que a culpa por um mundo em guerra não poderia ser atribuída à ideologia política, à crença religiosa, à raça ou ao nacionalismo. Eles concluíram, no entanto, que a culpa estava na personalidade humana, na inclinação humana para o mal, seja qual for sua forma. Dividiram-se em facções que procuravam erradicar essas qualidades que acreditavam ser responsáveis pela desordem no mundo.”


O Menino do Pijama Listrado
Autor: John Boyne
Nesse livro conhecemos a história de Bruno, um jovem alemão de 9 anos e de seu amigo o judeu Shmuel, também com 9 anos. Filho de um militar nazista, Bruno, muda da confrontável mansão em Berlim para uma casa nas proximidades de um campo de concentração de judeus, administrado por seu pai. Todavia Bruno não tem noção do que se passa na fazenda, como seu pai chama o campo de judeus. Tudo que Bruno sabe é que ele não deve se aproximar da cerca. Bruno também não sabe que a saudação Heil Hitler é algo especifico, para ele era apenas uma saudação, uma forma educada de agir. Vale cada página.

  

  

09 junho 2018

A Cilada ~ Harlen Coben

A personagem chave da história é a jornalista Wendy. Depois de acusar o assistente social Dan Mercer de pedofilia, em rede nacional, a vida dele é destruída. 

Tentando se explicar, Dan marca um encontro com Wendy mas é assassinado antes da conversa.

Wendy que sempre confiou nos fatos, decide investigar a morte de Dan e as acusações de que ele era um pedófilo.

Nada parece ser o que é!! E para  intensificar a trama no quarto de hotel de Dan é encontrado o celular de Haley McWaid, uma jovem de 17 anos sumida há 3 meses. A policia conclui que Dan matou Haley.  Será?

Wendy quer descobrir se desmascarou um criminoso ou causou a morte de um inocente.

Além do suspense, da ação e do imenso quebra cabeça que temos que desvendar, Coben trata das fragilidades humanas... especialmente do perdão. Você perdoaria o seu agressor? 

Harlan Coben, livros Idependentes:
  1. Livros não lançados no Brasil: Play Dead (1990)/ Miracle Cure (1991)
  2. Não Conte a Ninguém (2001)
  3. Desaparecido para Sempre (2002)
  4. Não Há Segunda Chance (2003)
  5. Apenas um Olhar (2004)
  6. O Inocente (2005)
  7. Silêncio na Floresta (2007)
  8. Confie em Mim (2008)
Harlan Coben - Série Myron Bolitar:
  1. Série MB - Quebra de Confiança (1995)
  2. Série MB - Jogada Mortal (1996)
  3. Série MB - Sem Deixar Rastros (1996)
  4. Série MB - O Preço da Vitória (1997)
  5. Série MB - One False Move (1998)
  6. Série MB - The Final Detail (1999) 
  7. Série MB - Darkest Fear (2000) 
  8. Série MB - A Promessa (2006)
  9. Série MB - Quando Ela se Foi (2009)
  10. Série MB - Alta Tensão (2011)
Harlan Coben - Série Mickey Bolitar:
  1. Refúgio (2011)
  2. Uma Questão de Segundo (2012)
  3. A Toda Prova (2014)

02 junho 2018

Crimson Bound ~ Rosamund Hodge (Citações)


'Mesmo quando tudo parece perdido, encontramos uma forma de nos alegrarmos e ter esperança. Essa é a forma humana de viver.'

'Você pode escolher caminhar entre agulhas ou alfinetes (...)  pode escolher entre o meio doloroso e rápido, ou meio  doloroso, e embora não tão rápido, Eficiente. Veja o que vai escolher.'

'Você pensa que fazer a escolha certa é sempre uma escolha bela?'

'As vezes é mais importante permanecer em calma do que fazer o que nos tira a paz.'

'Só porque é justo, não se torna automaticamente fácil de ser escolhido.'


'Por penitência diga 3 rosários, pelos 3 anos que viveu ferindo as pessoas. 
     -    Isso não me parece suficiente!!!
-   - Você quer confessar suas dúvidas sobre a grandeza de Deus em lhe perdoar.
-      Sim!!!
-      Nesse caso, por penitência, diga apenas um rosário.'

 'A questão é, disse Amelie, você tem coragem suficiente?
      -      Para que?
-      Para se tornar uma pessoa bonita.'

Resenha de Rosamund Hodges:










10 maio 2018

São Francisco de Assis ~ G. K. Chesterton

“Posso dizer (o que significa muito pouco) que São Francisco estava à frente do seu tempo. Haveria muito a dizer sobre o homem que tentou acabar com as Cruzadas, falando com os sarracenos, ou que intercedeu pelos pássaros junto do Imperador. 

Posso tentar fazê-lo, como outros fizeram, quase sem levantar qualquer questão religiosa. Posso tentar contar a história de um santo sem Deus, o que é como dizer escrever a vida de Fridtjof Nansen (explorador norueguês que chegou primeiro à Gronelândia) e estar proibido de mencionar o Pólo Norte, mas não o farei.

Os primeiros biógrafos de Francisco, naturalmente animados com a grande revolução religiosa operada por ele, olharam com naturalidade os seus primeiros anos com os sinais de um terremoto espiritual. Mas, escrevendo mais distanciado no tempo, não diminuiremos o efeito dramático, senão o aumentaremos, se considerarmos que na época não se notava no jovem nada de particularmente místico.

Ele nascera bom; foi capaz da bravura normal infantil; contudo, demarcara a linha da bondade e bravura muito próximo de onde a maioria dos meninos a teria demarcado; por exemplo, ele sentia o horror humano da lepra. Tinha amor ao aparato vistoso e brilhante, inerente ao sabor heráldico dos tempos medievais, e parece ter sido uma figura festiva.

Se não pintou de vermelho a cidade, teria provavelmente desejado pintá-la de todas as cores do arco-íris, como num quadro medieval. Existem, porém, na história do jovem trajado vistosamente que corria ao encalço do mendigo maltrapilho, certas notas de sua individualidade natural que se devem levar em conta desde o começo até o fim. Essa é a história de Francisco....

G. K. Chesterton



Literatura juvenil: Sugestões de Leituras

Resenhas elaboradas por Islândia Prexedes Luna Trilogia Jogos Vorazes   Autora :  Suzanne Collins O livro deu origem a tri...